quinta-feira, março 02, 2006

Amália. A vida de uma artista!

Amália Rodrigues, nasce numa familia pobre, que viviam na Beira-baixa, tentando a sorte na capital.
Mais tarde,a mãe dela entrega-a á avó sem condições de poder criá-la, pois era a quinta de nove filhos (como se diz).
Leva a vida, depois de acabar a escola primária: como vendedeira e boradadeira.
Conhece mais tarde, Francisco da Cruz, com quem se apaixona e casa.

1 comentário:

Paulo Sempre disse...

Lisboa - 1940
«Onde quer que se encontre Amália Rodrigues cantando, logo uma multidão de apreciadores de bom fado a vai escutar, cativa por aquela vozinha sã, assencialmente castiça e tocada milagrosamente do saudosismo antigo que, a despeito das canções modernas, ainda é a graça que enche os corações e completa as almas, hoje em dia a viverem quase que totalmente esvaziadas do bom sentimento fadista»
(João Reis in canção do Sul, 01/03/1940)

LISBOA - 1990
«Amália: um «heterónimo» de Portugal. Do que em Portugal existe de profundo e de fluente, de fixado e de erradio, de raiz e de flor, de tronco e de brisa (...)»
(David Mourão Ferreira, in programa do Espectáculo Comemorativo dos 50 anos da carreira de Amália - Coliseu dos Recreios - 08/01/1990)

Por mim...só tenho adizer que sou "amaliano" logo suspeito..

Bom blog.

Abraço

Paulo